Vigie, Selecione, Tenha Cuidado!

Nem sempre as pessoas
São como pensamos
Nem sempre elas nos amam
Da mesma forma
Que as amamos

É triste
Mas é assim
Algumas pessoas
Querem o nosso fim
E essas pessoas
Não quero perto de mim

Fingem ser sinceras
Fingem ser grandes amigas
E de repente
Quando menos se espera

Elas bagunçam toda a sua vida
E em seu coração
Duas vezes não pensam
Deixam uma enorme ferida

Incrível como
De uma hora para outra
Um "eu te amo" tranforma-se
Em "dane-se"

Um amigo
Não digo em inimigo
Mas em sua vida
Um enorme perigo

Não aguento mais
Tanta falsidade
Em minha própria vida
Já perco a liberdade

Não exijam mais de mim!
Dezessete anos
É a minha idade!

Posso não saber de tudo
Mais isso eu garanto
Que é fato sim

Então tome cuidado
Com quem anda ao seu lado
Pois às vezes
De amigo
Seu inimigo
Está fardado

E acredite
Não é pecado
Manter-se destes
Afastado

O trabalho não é facil
De ser executado
Porém
Apenas vigie
E verá o resultado

E garanto-lhe
Que sentir-se-á
Extremamente aliviado
Basta seguir meu recado

Vigie
Selecione
E tenha cuidado!

 

© PAOLO VALLINARI 2019