Um Dia na Escola

Está um dia nada bonito
E pra ajudar
Eu fácil me irrito
Com esse microfone maldito
Que mais parece um apito
Ô treco chato!

Cansado estou
Porém
Mesmo exausto eu vou
Atrás do conhecimento perdido
Aquele que faltou
Pois o locutor aqui
No começo do ano "moscou"
E graças a sua distração
O infeliz se ferrou...

"Cem vezes dez é igual a mil..."
Pouco me importo...
"No fim do ano tem Porto!"
Prefiro ficar em casa
Com meus discos de vinil

Raios! Que cousa chata!
Conviver com essa sociedade
Sempre tão injusta
É pior que tomar
Leite fervendo com nata!

Enfim...
Este é só mais um dia na escola
Tão ácido quanto Coca-Cola
Não vejo a hora de ir embora
Para ficar ao teu lado
Minha doce amora...
Deus!
Paciência dai-me nesta hora...

© PAOLO VALLINARI 2020