Sonhando

As vezes me pego sentado
Aqui pensando
Tanto tempo passado
Quase nada mudado
E eu ainda sonhando

Sonhando sentado
Sonhando acordado
Sonho desesperado
E o tempo passando

Quando é que será
Que eu irei acordar
E ver tudo mudando?

Sonhos de uma vida
Um tanto sofrida
Realidade se tornando?

Enquanto nada é real
Neste mundo banal
Neste mundo de festa
Tudo o que me resta
É continuar
Sonhando

E sonhando
Eu continuo buscando
A paz nesse mundo

Todos se amando
Se cumprimentando
A todo segundo

Quando é que será
Que eu irei acordar
E ver tudo mudando?

Sonhos de uma vida
Um tanto sofrida
Realidade se tornando?

Enquanto nada é real
Neste mundo banal
Neste mundo de festa
Tudo o que me resta
É continuar
Sonhando

 

© PAOLO VALLINARI 2020